DIANTE DE PROBLEMAS

Vianna de Carvalho
Face às dificuldades que nos surpreendem, no roteiro da existência, não desfaleçamos, deixando-nos arrastar pelo desânimo improdutivo ou pela revolta injustificada.

Cientes das lições evangélicas que nos clareiam por dentro, busquemos na prece o lugar especial para nossa alma, abrindo a acústica mental para escutar as celestes respostas que nos ajudarão a solucionar os problemas em pauta.

Há corações que, surpreendidos pelas provações naturais, entregam-se ao desespero, longe de qualquer atitude favorável das Esferas Espirituais.

Outros atiram-se imprevidentes e loucos nos despenhadeiros da depressão, dificultando a própria renovação.

Alguns se comprazem com a auréola da infelicidade, sem compreenderem que, luta, em processo evolutivo, é oportunidade honrosa de reajustamento.

Seria ideal a vida, distante do sofrimento, certamente. Todavia, como se compreenderia a Justiça Divina, se não fosse o homem que usurpou a felicidade do próximo convocado ao refazimento dela? A Terra não é um paraíso, no entanto, é a senda para o paraíso, em cujo solo se encontram dificuldades que reclamam atenção e obstáculos que merecem considerados.

Habitualmente, quando chamados a soluções de dificuldades e frente a problemas, muitos cristãos, inquietados, olvidam os valiosos recursos da meditação e da prece, com que dilatariam os próprios tesouros na busca do esquema equacionador.

Muitas vezes, enquanto em vigília, não podemos registrar as impressões do Mundo Espiritual, de molde a entender o auxílio divino, porém, nas horas da semilibertação pelo sono, é-nos possível captar e guardar as mensagens da Esfera Maior, clareando as sombras que nos dificultam o avanço.

Sabemos que as criaturas, em parcial desdobramento, conseguem sintonizar com os Espíritos Superiores e deles recebem instruções e auxílios, roteiros e esclarecimentos que os capacitam para as difíceis posições em que se encontram...

Goethe, por exemplo, o excelente poeta, resolvia problemas de ordem científica e compôs excepcionais poemas, enquanto dormia...

Bernardo Palissy, em sonho, concebeu um dos mais belos desenhos para suas peças de cerâmica... Condillac conseguiu, dormindo, resolver um problema que deixara por solucionar, antes de deitar... Stevenson, sonhando, escreveu as suas melhores novelas, confessava...

Há, também, aqueles que sintonizam com as Entidades Inferiores que recebem vigorosa influência... Nós todos, igualmente, ligando-nos ao pensamento divino, no culto do dever, orando antes do repouso físico, poderemos entrar em contato com os Benfeitores Desencarnados que nos ajudarão com os elevados recursos de que dispõem.

Diante, pois, de problemas, volta o coração e a mente para o amor e interroga aos céus, aguardando que os Embaixadores do Amor Sem Limite se façam instrumentos da luz do discernimento e da serenidade, que te auxiliarão a compreender e superar a dificuldade, porquanto, nossos atos do passado geraram dívidas para o presente, que o conhecimento da Doutrina Espírita nos faculta liberar, mediante o superior ensinamento da prática do bem, sempre e incessantemente, em todo tempo e lugar.

Transcrito do livro "Sementeira da Fraternidade", autoria de diversos Espíritos, psicografado pelo médium Divaldo Franco (BA)

Fechar

Endereço: Rua Marechal Deodoro, 460, Encruzilhada, Recife/PE - CEP 52030-170